gerir pessoas - restaurante destruido

Micro administradores são pessoas que buscam controlar cada parte, por mais insignificante, de um negócio. Há micro administradores de todas as formas e tamanhos: desde o bartender experiente, até o chef obsessivo. No entanto, no ramo de bares e restaurantes, os micro administradores tendem a ser os proprietários ou os próprios gestores que, pouco hábeis para gerir pessoas, acabam levando o restaurante à ruína.

Por alguma razão, estes micro administradores não podem abrir mão do controle de seus subordinados. Eles pairam como um falcão com fome acima de sua presa, esperando o momento perfeito para atacar em qualquer erro, não importa o seu tamanho.

Infelizmente, qualquer restaurante que permite que este tipo de comportamento está perdendo dinheiro, perdendo tempo, e causando um estresse desnecessário para seus funcionários. Conheça a seguir 5 formas de gerir pessoas que destruirão seu restaurante e não seja um micro administrador!

1. Custos de oportunidade

gerir pessoas 1Gerentes e proprietários não tem tempo para supervisionar cada pequeno detalhe. Quando o tempo é desperdiçado micro gerenciando funcionários capazes, oportunidades para melhorar os negócios, corrigir erros e trabalhar em iniciativas de marketing são perdidas.

2. Funcionários desestimulados

gerir pessoas 2Quando os funcionários se sentem degradados e não são livres para exercer as suas funções sem crítica e exigências constantes, eles param de se preocupar com seu local de trabalho e podem até mesmo ter medo de ir para o trabalho. Com baixa autoestima, os funcionários podem começar a chegar atrasados para o trabalho, podem pedir para sair mais cedo, e podem realizar suas funções sem capricho.

Fique atento: quando seus funcionários não se sentem apreciados, isso também afeta o proprietário e tem um impacto direto em seu negócio. 

3. Gerir pessoas é um ato de confiança

gerir pessoas 3Alguns gestores podem achar que são bons dando suporte aos funcionários do bar ou ajudando a equipe de frente de vendas. Isso pode até ser verdade, no entanto, se eles acharem que sem isso seus funcionários não sobreviverão e tentarem fazer os dois trabalhos, poderão levar o negócio à falência.

Se um restaurante tem dois andares, por exemplo, como um gerente poderia supervisionar todos os pequenos detalhes simultaneamente?

É preciso confiar no potencial de seus profissionais, transmitindo sua ajuda e conhecimento de forma pouco impositiva e em momentos oportunos. Gerir pessoas não é o mesmo que controla-las!

4. Perda de eficiência e insegurança

gerir pessoas 4Quando alguém está constantemente ditando o que os membros da equipe podem ou não podem fazer, é difícil para a equipe fazer as coisas de forma eficiente e pró-ativa. Em vez disso, eles perderão um tempo precioso aguardando orientações e, enquanto este tempo passa, bebidas poderiam ser servidas e mesas poderiam ser viradas.

Tenha em mente que, neste caso, não apenas a eficiência é reduzida. A equipe também vai perder a oportunidade de contribuir com ideias que poderiam ser extremamente valiosas para o negócio.

Lembre-se: para gerir pessoas, é preciso ouvi-las.

5. Alta rotatividade

gerir pessoas 5O ramo de restaurantes é, naturalmente, um ramo de alta rotatividade, mas você já parou para pensar em por que um funcionário não aparece ou retira-se sem aviso prévio?

Quando um funcionário é micro administrado a ponto de sentir-se sufocado, desrespeitado e infeliz, não hesitará em encontrar outro emprego, por isso, certifique-se de que esse não é um problema em seu estabelecimento e mostre para seu time que gerir pessoas é um ato de empatia.

Agora que você já sabe o que pode destruir seu estabelecimento, concentre-se em aproveitar seus talentos. Abaixo, confira algumas maneiras de fazer isso:

Detalhe as responsabilidades de cada funcionário

gerir pessoas 6Crie uma lista de responsabilidades para cada posto de trabalho, e revise com todos os seus funcionários. Cada vez que um novo funcionário for contratado, verifique se eles leram a descrição minuciosamente e peça que assinem o contrato de trabalho logo em seguida. Isso irá garantir que cada funcionário aceitou as responsabilidades de suas funções. Além disso, isso também gerará confiança e propriedade, afinal, saberão exatamente o que devem fazer e sentirão que são responsável por um trabalho específico.

Ofereça segurança

gerir pessoas 8Valorize os funcionário que estão trabalhando duro. Incentivar os funcionários que vão além de suas responsabilidades, tais como aqueles que fazem o trabalho extra e saem de seu caminho para ajudar os clientes.

Recompense esses funcionários oferecendo-lhes melhores turnos, refeições gratuitas, ou apenas dedique um tempo agradecer-lhes e, publicamente, reconheça seu trabalho duro na próxima reunião de equipe. Seu tempo deve ser gasto construindo um relacionamento positivo com todos os funcionários, assim, eles cuidarão de seu estabelecimento como se fosse deles próprios.

Treine e retreine!

gerir pessoas 9Crie oportunidades para que todos aprimorem suas habilidades através de sessões de treinamento de funcionários periódicas, onde os novos itens do estabelecimento são apresentados, provados e compreendidos. Ofereça drinks, cerveja, e aulas de vinhos e degustação para o pessoal de frente de vendas.

Nesta oportunidade, ensine-os sobre a história de alguns drinks, ensine-os sobre como entender e identificar diferentes sabores no vinho e também sobre como realizar vendas de itens do menu que combinem com esses vinhos.

Se os funcionários forem constantemente treinados, continuarão a aprender sobre hospitalidade e se tornarão profissionais conhecedores de todos os itens do menu.

Por fim, compreenda: a sua equipe pode fazer seu estabelecimento decolar ou quebrar, por isso, contrate boas pessoas e trate-as bem. Assim, você vai criar um ambiente de trabalho positivo que irá aumentar a sua taxa de retenção de funcionários e clientes satisfeitos – e os clientes felizes são mais propensos a ficar mais tempo, gastar mais dinheiro, e voltar no futuro!

Agora que você já sabe quais são as 5 formas de gerir pessoas que podem destruir seu estabelecimento, compartilhe nos comentários: qual a sua maior dificuldade ao gerir pessoas?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *